Muitos fatores contribuem para o aparecimento da ansiedade. Cansaço, stress, irritabilidade, estilo de vida, etc. Sabemos que existem muitos medicamentos no mercado para controlar a ansiedade, porém, alguns podem gerar dependência.
Veja as 10 dicas que seleccionamos para se sentir melhor.

Porque temos ansiedade?

  • Preocupações exageradas
  • Impossibilidade de relaxamento
  • Sensação de que algo mau irá acontecer
  • Pavor depois de uma situação complicada
  • Falta de controlo sobre pensamentos negativos
  • Medo de ser humilhado ou passar vergonha em público
Agora algumas estratégias e técnicas para  o ajudar a livrar-se definitivamente desse problema. Aproveite estas dicas!

1. Pratique exercício físico

Mesmo que opte por usar remédios naturais, é necessário que certos hábitos também mudem para que eles possam ser eficazes. E entre estas mudanças de hábitos, certas atividades são extremamente importantes para o seu dia-a-dia.

controle natural da ansiedade

O exercício físico, a aeróbica, a corrida e outros, são essenciais. Para o controle da ansiedade, é necessário que  tire um momento do seu dia para a prática de exercícios.

Praticar exercício libera substâncias como a endorfina, que trazem a sensação de bem estar.

2. Coma melhor

A alimentação é o básico para o estado de humor. A maneira como nos sentimos durante o dia, é  influenciada pelos alimentos que ingerimos, mesmo que não pareça. Comer bem é essencial, e isso exige uma pesquisa dos alimentos certos. Mas o problema é que, muitas vezes, a ansiedade aumenta o apetite, e faz com que a pessoa passe a comer compulsivamente. Esta prática tende a prejudicar o metabolismo, e piorar o estado de humor. Por isso, esta dica é extremamente importante, pois é necessário não só comer melhor, mas saber o que é melhor. À frente, trataremos melhor deste último ponto.

3. Durma bem

As duas primeiras dicas somadas, consequentemente, farão que o seu sono melhore significativamente. E isso só lhe trará benefícios. Se tiver dificuldade em dormir, tente algumas técnicas de relaxamento como Yoga, ou exercícios de respiração, como explicaremos na próxima dica. Outra dica é não fazer actividades que exigem muito da sua cabeça antes de dormir, como cálculos matemáticos. A prática de fazer exercícios minutos antes de dormir libera a endorfina, que prejudica o sono.

4. Respire e relaxe

Este é um dos conselhos mais importantes para quem sofre com a ansiedade. Ao invés de fazer alguma coisa, pare e não faça nada. Respirar é simples e exige a desconcentração, algo que alivia. Dedique um momento do seu dia para respirar intensamente. Pode ser até na hora de mais  stress. Uns 10 ou 20 minutos diários já lhe ajudarão muito. Respire devagar e sinta o ar entrar no seu corpo vagarosamente, então, solte-o também com calma. Outra técnica é deitar-se com os joelhos flexionados e com a planta dos pés no chão, e inspirar devagar, e contar até 4. Então, solte o ar lentamente. Pode deitar-se de barriga para cima e colocar a sua mão no abdômen, nas costelas e no peito, sentindo o ar entrar e sair do seu corpo. Esta prática limpará a sua mente, e o seu corpo irá sentir-se filtrado e calmo.

5. Ocupe a cabeça com coisas boas

A mente merece tanta atenção quanto o corpo. Se puder controlá-la, eliminará com certeza toda a ansiedade generalizada. Os transtornos de ansiedade podem parecer sérios, e em alguns casos são, mas todos podem ser evitados quando se consegue controlar a mente. Invés de continuar na sua rotina, que está situada na sua ansiedade, querendo ou não, você pode tirar um momento de descanso. Faça aquilo que mais gosta, leia um livro, veja televisão ou um filme, ou seja, pratique aquilo que lhe traz prazer. Tire um dia para fazer aquela coisa que há muito tempo não se dedica: um jogo de tabuleiro ou um instrumento musical, por exemplo. Poderá também encontrar novos hobies, e descobrir coisas novas, que lhe dariam mais motivos para ficar feliz. E por último caso, não se dedique demais ao trabalho, e sim à coisas que lhe despertam o lúdico e a alegria de viver.

6. Evite alguns hábitos

Esta dica é tão básica quanto a prática de exercícios. Não adianta consumirmos os alimentos corretos, se por outro lado, continuamos a ingerir substâncias que agravam o nosso quadro. Certos tipos de comidas, como o fast food devem ser evitadas. Outro hábito a ser evitado é o álcool. Algumas pessoas consomem bebidas para se acalmar, o que pode tornar-se um erro grave. Essa associação é errônea, pois o álcool não ajudará, e ao contrário, piorará a situação. Às vezes o alívio a curto prazo tende a desaparecer com o passar dos efeitos, como num efeito bola de neve.

7. Tripofano

Esta substância tem uma ação poderosa no combate a depressão. Esse aminoácido antecede a serotonina, que causa o bem estar. Os alimentos ricos em tripofano devem ser explorados no consumo, pois a melhora nos casos de ansiedade é certa. Veja alguns alimentos que contém a substância:
  • legumes
  • mel
  • arroz
  • batata
  • lentilha
  • feijão
  • queijo branco
  • yogurte desnatado
  • banana
  • abacate
  • nozes, castanhas
  • soja

8. Alimentos

Seleccionamos algumas recomendações que certamente lhe farão melhor:
Peixe e frutos do mar: pesquisadores americanos chegaram a conclusão que o ômega 3 reduz em até 20% os níveis de ansiedade. Então aproveite para incluir no seu cardápio muitos frutos do mar, peixes como o atum e o salmão, assim como a sardinha, óleos vegetais, linhaça, etc.
 
Vitamina C: ingerindo mais alimentos que possuem a vitamina C, você estará reduzindo a produção de cortisol, a hormona que causa o stress. Além disso,ajudam a eliminar os radicais livres, moléculas que costumam influenciar negativamente nos momentos de tensão. Então consuma muito limão, morango, caju, laranja, bem como bróculos e rúcula.
 
Magnésio: um receptor que causa a ansiedade, chamado NMDA, é reduzido quando é consumido alimentos que contém magnésio. Entre esses alimentos, podemos citar grãos integrais, cereais, amêndoas, abacate, nozes, entre outros.

9. Griffonia simplicifolia e Lúpulo

As sementes da Griffonia simplicifolia são usadas como suplemento alimentar por causa do seu conteúdo de 5-Hidroxitriptofano, também conhecido como 5-HTP. O 5-Hidroxitriptofano, ou 5- HTP, é um importante  formar serotonina, a qual é importante especialmente como neurotransmissor para transportar sinais entre neurónios e o sistema nervoso central.

O lúpulo  é uma planta cuja eficácia é comprovada por estudos clínicos por causa de seu efeito sobre a ansiedade e os distúrbios do sono, produzido pelos óleos essenciais contidos nesta planta. Ressaltamos também que o lúpulo é muitas vezes adicionado à cerveja, pois este processo lhe confere um gosto amargo particular.

Estes 3 compostos fazem parte do nosso suplemento mais vendido para a ansiedade. Chama-se Ansiomed e é composto por Griffonia (5HTP), Lúpulo, L-triptofano, Vitamina B6, Vitamina B11, Vitamina B9 e Vitamina B12. Combine este suplemento com as dicas que lhe ensinamos e verá os resultados!